sábado, 17 de setembro de 2016

CHEIAS DE CHARME (RESUMO DOS CAPÍTULOS) Parte 10

Veja a décima parte do RESUMO DOS CAPÍTULOS de CHEIAS DE CHARME (VAMOS RECORDAR)


RETORNE AO MENU PRINCIPAL

RETORNE AO MENU PRINCIPAL

Enquanto todo mundo achava que o tubarão tinha amansado, Sarmento (Tato Gabus Mendes) mostra os dentes e se prepara para dar a mordida final. E a vítima é, mais uma vez, Cida (Isabelle Drummond), a gata borralheira que continua a penar mesmo após virar Cinderela. Quando a ex-Empreguete percebe que foi enganada, tenta mandar o pai embora de sua casa.

Mas quando o assunto é bufunfa, Sarmento não desiste fácil assim. "Filha, me ouve, é verdade, eu precisei te enganar, mas é que eu tô desesperado, eu vou ser preso, Cida, a Dra. Marta me disse que a minha situação se agravou, tão inventando denúncias contra mim, gente invejosa, eu não posso ir pra cadeia, a minha saúde...", ele tenta enrolar Cida, mas ela avisa logo que não vai ajudá-lo.

Só que na filosofia do tubarão, se não vai por bem... vai por mal! Sarmento tranca a ex-Empreguete no banheiro e encontra o dinheiro da venda da casa de Teresópolis. É aí que a máscara cai e ele volta a mostrar quem realmente é.


Elano (Humberto Carrão) sempre está lá para ajudar Cida (Isabelle Drummond) quando ela precisa. A ex-Empreguete manda uma mensagem para o advogado pedindo socorro e, claro, é atendida. O gato arromba a porta do banheiro onde Cida está trancada e pergunta se ela está bem.


Ela explica que o pai não a agrediu, mas fugiu com o dinheiro. Elano, sempre com grande senso de justiça, se adianta para armar a rede e prender o tubarão em uma emboscada: "A Marisette ligou pra firma que aluga jatinho, o Sarmento fretou um avião, vai tentar fugir. E eu vou tentar impedir!", afirma o advogado.


Penha (Taís Araújo) bem que tentou contar para Lygia (Malu Galli) sobre o romance com Gilson (Marcos Pasquim). Mas olha como a advogada vai descobrir o “love” dos dois: através de uma foto dos dois aos beijos publicada na internet. Quem chama Lygia para ver a imagem é Manu (Bia Passos), que está no computador.


Manuela pergunta para a mãe se Penha está namorando Gilson. A advogada disfarça o choque que levou e diz para a filha que deve ser mentira: “Isso deve ser fofoca, fotomontagem, esses jornalistas inventam cada coisa.”

O tubarão estava crente que ia tirar onda em outra praia, mas caiu na rede e virou peixe frito. Sarmento (Tato Gabus Mendes) até chegou a dar um rolé no jatinho achando que ia conseguir fugir, mas o que ele não esperava é ser vítima de uma cilada: ao descer do avião, percebe que voltou para o mesmo aeroporto. Para dar as "boas-vindas", Elano (Humberto Carrão) explica que é o fim da viagem.

O delegado explica: "Ernani Sarmento, o senhor está preso por violar as condições da sua liberdade provisória e tentar deixar seu domicílio sem autorização judicial", decreta, deixando o tubarão revoltado com Cida (Isabelle Drummond). Mas a ex-Empreguete é firme e diz que quem está no erro é ele. Isso aí, Cida!

Acabou a farsa! Agora todos vão saber que Inácio (Ricardo Tozzi) e Fabian (Ricardo Tozzi) são duas pessoas completamente diferentes. E adivinha quem vai fazer esse grande favor?! Chayene (Claudia Abreu)! Antes disso, no palco, Inácio simplesmente para de cantar e olha fixamente para Rosário (Leandra Leal). A cantora pergunta se está tudo bem e ele diz: “Eu te amo, Rosário. Me perdoa...”

Bafão! Perplexa, Rosário constata que é Inácio quem está no palco. Neste momento, Chayene puxa a alavanca e levanta a parede de led, onde Fabian está cantando escondido. Enquanto isso, no palco, Inácio, num rompante, não aguenta e puxa Rosário para um beijo. A cortina se levanta e Fabian canta ainda sem saber de nada.

A galera começa a reclamar e Fabian dá aquela virada típica dele e... dá de cara com o público. Rosário vê Fabian, que sai correndo tentando se esconder. Inácio pede perdão para Rosário que o empurra com força e sai do palco correndo. Vitoriosa, Chayene vibra: “Acabei com a festa de Rosiclair!”


Cida (Isabelle Drummond) descobrirá que, ao contrário do que todos pensam, não é filha de Sarmento (Tato Gabus Mendes). A revelação virá à tona na última semana da novela. A explicação: à beira da falência, o empresário falsificou o exame de DNA para fazer com que a mocinha bancasse sua família. Nem mesmo Sônia (Alexandra Richter) sabia da armação. A farsa será desmascarada por Elano (Humberto Carrão). Depois disso, o advogado e a ex-empregada ficarão juntos. Stella (Day Mesquita) também não ficará sozinha e voltará para o ex-marido.

Depois de conseguir pegar o Tubarão, Sarmento (Tato Gabus Mendes), Elano (Humberto Carrão) deixa Cida (Isabelle Drummond) em casa. A moça agradece a Elano que diz que fez o que fez somente por justiça. “Mas mesmo assim... Obrigada, viu?”, ela diz. Nesta hora, a ex-Empreguete dá um beijo no advogado e adivinha quem chega e vê tudo? Conrado!

Irritado, Conrado fica sabendo que Sarmento ia fugir com R$ 800 mil de Cida. “E esse Elano, quê que ele tem a ver com isso tudo!?...”, indaga Conrado. Cida conta como tudo aconteceu e ele fica indignado porque a moça não abriu o jogo com ele: “E quando descobriu, por que não me ligou?”

Cida diz que tudo aconteceu muito rápido e que não era momento para ficarem discutindo. Com ego ferido, Conrado sai, furioso e diz para a namorada ir atrás do herói dela, já que é ele quem ela procura quando precisa de alguma coisa.


Antes tarde do que nunca! Chayene (Cládia Abreu) deu uma de maníaca da sopa, mas chegou a hora de pagar caro pelo ataque que deixou o rosto de Fabian todo deformado. Afinal, quando o assunto é o amor das fabianáticas por Fabian (Ricardo Tozzi), sai de baixo! Depois da farsa acabar, as fãs vão atrás do cantor e percebem que ele está, digamos, diferente. Um verdadeiro tomate seco!


O galã aponta para Chayene e diz que a culpa é dela: "A Chayene me deformou! A culpa é dela! Peguem ela!", diz o "bonito". Dito e feito! As fabianáticas correm atrás da louca do eletroforró e a cercam num canto, fazendo um auê só. O ataque tem até direito a plumas e apliques de cabelo voando. Eita!

Penha (Taís Araújo) resolve dispensar o surfista Gilson (Marcos Pasquim) depois que Lygia (Malu Galli) descobriu o romance dos dois. Ela conta para Gilson que tinha que ter falado o quanto antes com a amiga e não se perdoa. A gata do Borralho acha que não vai conseguir ser feliz assim: “(...) Não sei se eu consigo ser feliz, sabendo que eu magoei a minha amiga.”

Gilson tenta explicar para Penha que de nada vai adiantar eles terminarem e ela insiste: “Minha melhor amiga está com ódio de mim, tu brigou com o teu filho... Será que a gente está fazendo a coisa certa?”

O surfista conta que não consegue tirá-la da cabeça desde o primeiro dia que a viu. Penha está confusa e pede um tempo. Ele não entende porque ela quis ter essa conversa no motel. “Não sei o que vai acontecer... Queria estar com você mais uma vez”. Os dois se beijam apaixonadamente.

Por essa Chayene (Cláudia Abreu) não esperava! Ao voltar de viagem, a diva do eletroforró tem uma baita surpresa. No lugar da estátua dela está uma outra bem familiar. Isso sem falar nas fotos, que também foram substituídas pelo rosto de... Adivinha só? Ninguém mais, ninguém menos que Socorro (Titina Medeiros)! Sim, a curica assumiu o lugar da cantora! Que baque, hein, Chay?

"Eu quero saber quem mandou tirar minha estátua lá de fora! Laércio, quêde tu, urubu... Mas essa não sou eu, é SOS! Mas que marmota é essa?!", pergunta a Shakira do Piauí. É então que Socorro desce as escadas linda e loira, toda produzida, seguida por Laércio. "Isso lá são horas de chegar, curica brabuleta?!", indaga a nova diva. A casa de Chayzinha vai cair!

Isadora (Giselle Batista) está caidinha por Niltinho (Sérgio Malheiros), mas continua a esconder da família o romance com o entregador. Desce logo desse salto, entojada! Ele fica bolado com a atitude da patricinha, que sente vergonha do "peguete" mesmo com a família atolada na lama. Isadora pede para ele não pressioná-la, pois está segurando a maior barra.

Pelo menos Niltinho sabe que o coração dela não é mais de Conrado (Jonatas Faro). "Eu tirei aquele playba do teu coração, não tirei? Para de ficar ligada no passado e vai atrás do teu futuro", diz ele. "Vamos ser feliz, gata", completa, carinhoso. Não vacila, Isadora!

O tempo fechou! Depois de ver a foto de Penha (Taís Araújo) e Gilson (Marcos Pasquim) no maior amasso na internet, Lygia (Malu Galli) resolve ir a casa da ex-Empreguete tirar satisfação. Ela não quer saber de papo e manda logo: “Quando você pretendia me contar, Penha?”. Embaraçada, Penha diz que Gilson não deveria ter contado e ela diz que via a foto.

Dura, Lygia faz a mesma pergunta para Penha e ela diz que ia contar, mas desistiu depois de ouvir o desabafo dela sobre Gilson. “E você achou melhor continuar me fazendo de idiota!”. Penha se justifica dizendo que perdeu a coragem na hora, mas que no dia seguinte contaria tudo para a amiga.

Lygia fica enfurecida com a amiga. A advogada diz que Penha não tem que poupá-la de nada e que a gata do Borralho a traiu novamente: “Você traiu a nossa amizade, a confiança que eu tinha em você, mas essa foi a última vez!” Lygia deixa a casa da amiga, que cai no choro.

Samuel (Miguel Roncato) pode até ter amadurecido, mas volta e meia ele ainda dá uns ataques de adolescente rebelde. Quando ele descobre que Gilson (Marcos Pasquim) está com Penha (Taís Araújo), não deixa barato e acaba discutindo com o pai. Depois, vai para a praia surfar. O problema é que o pior acontece: o rapaz se embola em uma onda e afunda. Gilson fica bolado e entra na água atrás do filho.

É aí que rola aquela tensão! Gilson encontra Samuel desacordado no mar, com a cabeça machucada. Um salva-vidas o ajuda a resgatar e levar o jovem até a areia. Aí, já chega a equipe de resgate.

Que reviravolta, Chay (Cláudia Abreu)! Laércio (Luiz Henrique Nogueira) passou tudo que era da deusa do Piauí para sua nova musa: Socorro (Titina Medeiros). Pense numa mulher brava: Chayene! A eterna rainha do eletroforró fica possessa e o único jeito de controlar sua fúria é trancando a diva na gaiola de sua ex-mansão. Salve-se quem puder!

Enjaulada, Chayene reclama e pede algo "délice" para comer, mas Socorro é cruel. "Chayene tá precisada de uma dieta. A mulher gorila chega tá pançuda", diz a personal colega traíra. "Eu vou te mostrar quem é mulher-gorila", manda Chayene, enfurecida. E não é que de tanta raiva ela acaba virando uma mulher-gorila?! Sai da frente!

Quem é vivo sempre aparece! Adivinha quem vai fazer uma visitinha a Sônia (Alexandra Richter)? Máslova (Aracy Balabanian)! E não é que ela vai até lá dar uma daquelas ideias geniais dela?! Ela confessa para Sônia que as duas estão sem muitas alternativas. “A verdade é que... estamos as duas na lona.”

Depois de resistir, Sônia reconhece que está numa pior assim como Máslova. Mas a avó do Conrado (Jonatas Faro), que não é boba nem nada, sugere que as duas sejam aliadas. E mais! Que ela dê em cima de Otto Werneck (Leopoldo Pacheco). “Você é uma mulher muito bonita. Com uma ajudinha minha quem sabe você e o Otto...”

De boba, Cida (Isabele Drummond) não tem nada. Depois de prender o pai, a ex-Empreguete decide colocar o playboy Conrado (Jonatas Faro) para escanteio. Conrado a pede em casamento e oferece a ela o anel que foi da sua mãe e que deu para Isadora. Mas Cida é enfática: “Não posso me casar com você.”

Conrado fica passado com a afirmação da moça, que começa a se justificar. Ela relembra quando eles se conheceram e diz que pensou que ele fosse o príncipe encantado dela até ele aprontar.

O playboy diz que deixou várias coisas de lado por causa dela: “Eu vendi meu cavalo, tô trabalhando de boy...”. Mas ela não está nem aí:  “Eu sinto muito, Conrado, mas o cara por quem eu me apaixonei nunca existiu de verdade”. Ele diz que mudou, mas ela bate o pé: “Mas não deixou de ser o cara preconceituoso que me virou as costas naquele bar. E desse cara, eu nunca gostei de verdade.”

Nos últimos tempos, a sorte finalmente anda se bandeando para o lado de Sandro (Marcos Palmeira). Depois que o malandro caiu em um buraco e salvou a cadelinha Panqueca, o alemão Von Kuster anuncia que sua ONG decidiu reformar um casarão e fazer dele um abrigo para animais de rua. "O abrigo vai se chamar Sandra Barbosa, em homenagem ao senhor!", conta ele.

A princípio o malandro não curte muito a ideia, afinal estava esperando um recompensa financeira. Mas derreter o coração dele é moleza, né não, Patrick (MC Nicolas)? "Aí, paizão, tu tá importante demais, vou tirar maior onda!", comemora o filhão, deixando Sandro todo feliz, com direito até a discurso em defesa dos animais.

Até que Penha (Taís Araújo) chega e completa a algazarra do Borralho. "Aí, traste, até que enfim deu uma dentro, hein?", diz a morena, que concorda em fazer uma festa em sua casa: "Tá, tudo bem. A casa do teu filho vai tar sempre de porta aberta pra tu, traste da cachorrada", declara a gata.

A barra está ficando cada vez mais suja para o lado de Chayene (Claudia Abreu). Se não bastasse estar presa na gaiola com restrição de comida, ela recebe uma notícia nada agradável. Laércio (Luiz Henrique Nogueira) avisa que ela não vai participar do prêmio DóRéMi.

Ele ironiza a ex-diva dizendo que cancelou a participação dela por causa da voz fina. E mais! Ele diz que já arrumou uma substituta. Possessa, Chayene quer saber quem vai substituí-la: “Quem é a desvalida que vai ter a audácia de cantar no meu lugar?”

Laércio apresenta para Chayene a mais nova estrela dele: “Lady Praga!”. Neste momento, Socorro (Titina Medeiros) aparece na frente de Chay vestida estilo “Lady Gaga”.

A vida não anda nada boa para Chayene (Claudia Abreu). A diva continua trancada em sua própria gaiola! Até mulher-gorila Chayene virou de tanta raiva. Tendo que aturar as ordens de Lércio (Luiz Henrique Nogueira) e Socorro (Titina Medeiros), Chay agora tem restrições até na alimentação! Depois de muito tempo, Naldo (Fábio Lago) leva apenas um pratinho para ela.

Quem desce as escadas toda poderosa é Socorro. Ela recepciona as bailarinas que vão dançar com ela na entrega do prêmio DóRéMi. Chayene observa Laércio e Socorro fazendo carinhos e fica indignada: “Até quando vai durar essa palhaçada dos infernos!? Hem?!”. Socorro zomba dela e diz: “Até nascer suas asinhas de brabuleta, Chay esqueceu?!”

A bailarina dá uma zoada em Chayene, que diz que vai quebrar o nariz dela. Laércio pede para elas tomarem cuidado: “Meninas, cuidado senão Jociléa vira a mulher-gorila! Vamos ensaiar, anda! E você, Chayene, quieta!”

Cida (Isabelle Drummond) vai até a casa de Penha (Taís Araújo) entregar os diários dela para Elano (Humberto Carrão). A ex-Empreguete agradece a Elano por estar ajudando-a. Neste momento, Stela (Day Mesquita) chega com a filha Rebeca toda poderosa e se pendura no pescoço do namorado.

Para provocar, Stela (Day Mesquita) convida Elano para viajar na frente de Cida e deixa a moça desconfortável. Neste momento, um monte de gente entra na casa de Penha em clima de festa. Patrick (Mc Nicolas) conta que o abrigo para cachorro do Borralho vai chamar Sandro Barbosa.

Máslova (Aracy Balabanian) e Sônia (Alexandra Richter) não batem bem da cabeça! A última delas é "aulas de como ser pobre" para conquistar Otto (Leopoldo Pacheco).

A primeira lição é bem atípica quando se fala em Sônia Sarmento: "Bom, para conquistar o Otto você não pode ser chique demais, tem que se vestir mais simplezinha", aconselha Máslova, que conhece o alvo muito bem: O Otto, hoje em dia, tem o que o Conrado chama de mentalidade pobrista. Cê tem que mostrar que tem uma alma simples", afirma a perua pobre.

A "aluna", então, tem uma dúvida. Como explicar o interesse dele por Penha (Taís Araújo), já que a ex-Empreguete é exuberante. Mas a professora explica que o caso de Sônia é diferente e dá a segunda lição: "Pra começar, uma mulher do povo anda descalça em casa e com os cabelos livres...", aconselha ela. "Elas gostam de ouvir rádio e sambar em casa como se estivesse no pagode. Sempre sorrindo e achando a vida ótima", completa.

Que barra, hein? A maré não anda muito boa para o lado de Lygia (Malu Galli). Ela mal voltou de viagem e já vem a bomba que Samuel (Miguel Rocanto) sofreu um acidente e está desacordado. Ao chegar no hospital, ela logo abraça Gilson (Marcos Pasquim), que também está desesperado com a situação do filho. Penha (Taís Araújo) assiste à cena, afastada.

A médica explica que ainda é cedo para saber como o adolescente vai ficar, deixando Gilson tenso com a ideia de perder o filho. "Não dá mais pra ficar sem esse cara, não, não vou conseguir. A gente ainda tem tanta coisa bacana pra viver junto...", desabafa o pai de Samuel, que segura a barra de Lygia quando ela desaba em lágrimas. Penha, do lado de fora do quarto, se afasta, abaladíssima.


A barra está ficando cada vez mais suja para o lado de Chayene (Claudia Abreu). Se não bastasse estar presa na gaiola com restrição de comida, ela recebe uma notícia nada agradável. Laércio (Luiz Henrique Nogueira) avisa que ela não vai participar do prêmio DóRéMi.

Ele ironiza a ex-diva dizendo que cancelou a participação dela por causa da voz fina. E mais! Ele diz que já arrumou uma substituta. Possessa, Chayene quer saber quem vai substituí-la: “Quem é a desvalida que vai ter a audácia de cantar no meu lugar?”

Laércio apresenta para Chayene a mais nova estrela dele: “Lady Praga!”. Neste momento, Socorro (Titina Medeiros) aparece na frente de Chay vestida estilo “Lady Gaga”.

Laércio (Luiz Henrique Nogueira) e Socorro (Titina Medeiros) entram em casa fazendo altos planos para o show dela durante a e entrega do prêmio DóRéMi. E levam um susto daqueles! Adivinha quem não está na gaiola? Chayene (Claudia Abreu)!

Socorro se desespera ao ver que ela não está mais ali: “Lascou-se, seu Laé... tamos fritos!”. Quem está na gaiola é Zaqueu, preso, com a gravata amarrada na boca, tentando falar algo.

Chayene (Cláudia Abreu) está com ódio de Socorro (Titina Medeiros) ao ter de aceitar que agora passou de diva a personal curica da maluquete. Na premiação, Chay desconta a raiva na comida da nova brabuleta e "batiza" a pamonha que ia servir para Socorro. Mas acaba jogando fora quando se depara com a poderosa Gaby Amarantos, que estranha a roupa simplória dela.

Quando Chayene começa a enrolar a cantora, Socorro entra toda, toda.  "Curica brabuleta! Quem mandou tu se dirigir as estrelas vip do show de estreia de 'Lady Praga'...E essa aqui é minha personal curica, Jociléa!", diz ela a Gaby, que não entende nada. Chayene, coitada, fica murchinha, murchinha.

Prepara-se que lá vem bomba! E quem traz é Sidney (Daniel Dantas), que descobre a primeira das armações de Chayene (Cláudia Abreu) para separar as Empreguetes. Ele conta ao trio sobre o roubo da identidade de Cida (Isabelle Drummond), que foi encontrada no pote de açúcar da musa louca do eletroforró. Imagine o ódio das Marias!

Agora pense na pior hora possível para Chayzinha chegar e dar parabéns para as meninas pelo prêmio DóRéMi. Sim! As Empreguetes aproveitam para botar tudo em pratos limpos. É lavação de roupa suja, especialidade das nossas curicas divas.

Durante o papo nada amigável, Socorro (Titina Medeiros) acaba dando com a língua nos dentes e conta que roubou o clipe das Empreguetes na casa de Kleiton (Fábio Neppo) para jogar na internet. O episódio em que Cida e Penha (Taís Araújo) foram parar em Minas Gerais não fica de fora.

Pronto, era só o que faltava para o trio se engalfinhar com Chayene e Socorro, com direito a muito puxão de cabelo e unhada! Eita, lasqueira!

O auê está formado! Cida (Isabelle Drummond), Rosário (Leandra Leal) e Penha (Taís Araújo) saem no tapa com Chayene (Cláudia Abreu) e Socorro (Titina Medeiros) ao descobrirem que foram elas que armaram para acabar com as Empreguetes. Entre puxões de cabelo, unhadas, sopapos e plumas voando, as musas barraqueiras vão parar no palco do prêmio DóRéMi. Hilário!

O pequeno detalhe é que nesse momento Gaby Amarantos está cantando "Ex mai love" para o público, que reage diante da lavação de roupa suja das musas. Gaby demora a se tocar que há um show à parte no mesmo palco que ela se apresenta.

Parece que Lygia (Malu Gali) e Gilson (Marcos Pasquim) não vão conseguir acordar desse pesadelo tão cedo. Eles nem conseguiram comemorar a melhora do filho. Mal acorda, Samuel (Miguel Roncato) sente fortes dores na cabeça. Ao examiná-lo, a médica diz que o quadro piorou.

Lygia, Gilson e Liara ouvem, nervosos, à explicação. A médica diz que Samuel tem um coágulo que precisa ser removido. Ela pede que eles fiquem otimistas, mas avisa que por ser uma cirurgia arriscada, existe possibilidade de ele ter sequelas.

Chayene (Cláudia Abreu) e Socorro (Titina Medeiros) fizeram de tudo, mas não conseguiram evitar a consagração das Empreguetes. A cantora Paula Fernandes anuncia o trio como vencedor do prêmio DóRéMi e a plateia vem abaixo.

Emoção é a palavra que traduz o sentimento de Cida (Isabelle Drummond), Rosário (Leandra Leal) e Penha (Taís Araújo). Quando as três sobem naquele palco de mãos dadas para serem ovacionadas pelo público, nada mais tem importância. As brigas, os desentendimentos, as mágoas, nada disso é lembrado. A amizade fala bem mais alto.

Emocionada, Rosário agradece às parceiras por terem feito seu sonho de ser cantora se tornar realidade. Penha e Cida retribuem num abraço apertado. Tom (Bruno Mazzeo) e Kleiton (Fabio Neppo) assistem a tudo das coxia emocionados. Até fazem as pazes!

'Se vira nos 30', Sandro (Marcos Palmeira)! Ou seria melhor dizer: 'Se Vira nos 30', Totó? Isso mesmo! O malandro quer levar o cachorro para participar do quadro do 'Domingão do Faustão' e tentar desembolsar R$ 20 mil. E ele jura que pretende investir a grana na reforma da sede da Associação de Moradores do Borralho.

Se o plano de Sandro vai dar certo ainda não dá para saber. Mas ele prova para os moradores da comunidade que o cãozinho é realmente esperto: Totó é craque em obedecer o ex de Penha (Taís Araújo) na hora de rolar no chão, cumprimentar as pessoas, dar a patinha...

Chayene (Cláudia Abreu) está igual a uma galinha depenada após brigar com as Empreguetes, mas pelo menos parece que as coisas estão começando a voltar ao normal na vida dela. O mal que a rainha do Piauí fez às "Chumbreguetes" está se desfazendo! Agora só falta voltar às origens, como Madame Kastrup (Lady Francisco) profetizou.

A ficha de Chay cai quando Socorro (Titina Medeiros) fala sobre Sobradinho, cidade natal delas. "É isso, curica! Tu é uma gênia, do mal, mas uma gênia! Lagoa de Sobradinho! É lá que eu mais tu temos que nos apresentar, pra terminar de queimar meu karma! Urubu, mande aprontar o AeroChay. Nós vamo tudo pro Piauí!", decide a diva.

As Empreguetes deixaram sua marca no mundo musical. Durante a noite de premiação DóRéMi, ninguém mais, ninguém menos que Paula Fernandes pede e volta do trio e aproveita para mostrar um vídeo para lá de especial para as Marias Brasileiras.

Vários artistas pedem a volta das Empreguetes: Maria Gadú, Preta Gil, Tony Garrido, Diogo Nogueira, Thiaguinho, Buchecha, Latino, Luan Santana, Fiuk e Daniel! Que honra, hein, meninas?

Ao verem que a campanha Empreguetes Para Sempre está bombando, o ex-trio mais amado do Brasil fica muito emocionado. E bastante balançado!

Cida (Isabelle Drummond), Rosário (Leandra Leal) e Penha (Taís Araújo) tiveram uma noite e tanto durante o prêmio DóReMi. Além de serem ovacionadas pelo público, que pedia a volta das Empreguetes, elas descobriram as trapaças de Chayene (Cláudia Abreu) e Socorro (Titina Medeiros) para separá-las.

Juntas no 'dogão', elas se redimem umas com as outras. "Meninas... Se eu continuasse só pensando na carreira, em fazer sucesso, brilhar, ia acabar louca e egoísta que nem a Chayene...Eu também errei, fui injusta, coloquei o meu sonho acima das pessoas que eu amo... e isso não me trouxe felicidade... Hoje eu sei que o sonho da gente é importante, sim, mas nada no mundo vale mais do que ter amigas como vocês", reconhece Rosário.

Cida e Penha também concordam que sofreram muito sem o grupo. Com lágrimas nos olhos, Penha sugere que as três façam um novo pacto, de nunca mais se separarem e permanecerem amigas: Empreguetes para sempre!

Cida (Isabelle Drummond) vai sofrer um baque e tanto. Determinado a provar que Sarmento (Tato Gabus Mendes) continua sendo o mesmo pilantra de sempre, Elano (Humberto Carrão) consegue uma prova concreta de que o tubarão forjou o exame de DNA para fazer Cida acreditar na história de paternidade.

"Eu procurei a Ariela, pedi a ajuda dela. Cida, eu... Não tem uma maneira melhor de te dizer isso. Eu fiz outro exame. Pedi para uma amiga que trabalha num laboratório, a gente fez outro teste de DNA, com a ajuda da Ariela (Simone Gutierrez)... O exame que ele te mostrou era falso. Você não é filha dele, nem irmã da Ariela, da Isadora... Você não é uma Sarmento."

Cida entende que Sarmento inventou a história da paternidade porque estava duro, desesperado. Ela fica chocada. "Tudo de olho no meu dinheiro... O Dr. Sarmento é um monstro! Eu acreditei nele, acreditei que ele gostava mesmo de mim, que era o meu paizinho, e o tempo todo... eu era só um plano de fuga, uma otária pra ele explorar!?"

"Eu devo ter muita cara de otária mesmo, né?" É assim que Cida (Isabelle Drummond) começa sua conversa com Sarmento (Tato Gabus Mendes) na prisão, depois de descobrir toda a verdade através de Elano (Humberto Carrão). O tubarão deixa a máscara cair quando vê que Cida já descobriu tudo.

Frio, ele debocha da Empreguete dizendo que ser uma Sarmento era tudo que Cida queria. "Tudo o que você queria era ser uma Sarmento! Cresceu pelos cantos da casa, invejando minhas filhas... Eu te dei um pai. Tinha que me agradecer!" Sarmento confessa todo o plano.

Cida dá o troco: "Que bom que você tá contente, que valeu a pena, que deu tudo certo, no fim das contas, a sua fuga... No que depender de mim, você nunca mais vai sair daqui."

Sarmento sentiu o baque!

Essa foi por pouco, hein, Sandro (Marcos Palmeira)? O galã leva o cachorrinho Totó ao quadro 'Se Vira nos 30', do Faustão, para ver se arrecada uma grana e reforma a Associação de Moradores do Borralho. Tudo certo até aí. Mas sem um pouco de emoção não tem graça, né?

O malandro está todo se achando no programa, só que na hora "H" o cão resolve dar defeito. Nada de Totó responder aos comandos de Sandro. Ops! Até que a sorte volta a se bandear para o lado do "Super Sandro" e o cachorrinho faz truques em um número encantador! Depois de arrasar, a dupla ganha o prêmio e deixa todos na casa de Penha (Taís Araújo) muito orgulhosos.

Depois de um acerto de contas com Sarmento (Tato Gabus Mendes), Cida (Isabelle Drummond) cruza com Sônia (Alexandra Richter) nos corredores da casa de custódia onde está o bandido. Já sabendo que ela não é uma Sarmento, a patroete tenta humilhar mais uma vez a jovem, mas dessa vez, quem ouve poucas e boas é a perua.

"Continuo com ficha limpa! E com mais orgulho que nunca de me chamar Maria Aparecida dos Santos, a filha da arrumadeira e do motorista. Te vejo no tribunal, Sônia", manda Cida, decididia a processar a família Sarmento por tudo que passou.


E os astros conspiraram a favor do amor. Cida (Isabelle Drummond) e Elano (Humberto Carrão) foram a Teresópolis visitar o túmulo dos pais da gata e acabaram obrigados a ficar na região, devido a uma barreira que caiu na estrada. Os dois se instalam em uma pousada fofa, mas em quartos separados. Até que...

Elano vai ao quarto da moça e pergunta se ela está bem instalada. Ele avisa que o quarto dele é no final do corredor e vai saindo do quarto dela, mas... Cida não deixa! Ela segura na mão dele e o puxa de volta!

A moça abre o coração e diz que ele foi a pessoa mais incrível que ela conheceu. “O homem mais bonito, por dentro e por fora... o coração mais puro, um príncipe verdadeiro. E eu, eu fui uma idiota, uma tonta, e não vou me perdoar nunca por ter te perdido. Eu te amo, Elano, e vou me lembrar todos os dias da minha vida que um dia você me amou... e eu deixei você ir embora.”

Você acha que o gato deixou a declaração passar batido? Claro que não! Ele simplesmente diz: “Quem falou que eu fui embora?”. Os dois se beijam apaixonadamente e vão para cama, aos beijos.

Essa foi por pouco! Samuel (Miguel Rocanto) passou por momentos difíceis, mas finalmente boas notícias chegam para aliviar a preocupação de Lygia (Malu Galli) e Gilson (Marcos Pasquim).

"O Samuel reagiu bem a estímulos verbais e mexeu braços e pernas. Isso indica que não haverá sequelas. Ele vai ficar essa noite na UTI, em observação, e será reavaliado quando acordar. Se estiver bem, logo terá alta", explica a médica, que deixa os pais do menino em euforia. Não é para menos!

"Cê é muito importante pra gente, tem que tomar cuidado, filho", diz, amorosa, a advogada ao filho, que brinca com a mãe dizendo que eles não vão se livrar dele tão rápido.

Inácio (Ricardo Tozzi) quer porque quer o perdão de Rosário (Leandra Leal). O gato já tentou de tudo, mas a moça está irredutível. Não é para menos, né? Rosário está sendo acusada de ser a responsável por toda a farsa na turnê com o Fabian fake.  Inácio não vê outra saída a não ser pedir ajuda a ... Fabian (Ricardo Tozzi)! Isso mesmo! Ele bate na porta do cantor e revela o segredo que está por trás de sua semelhança com o príncipe das domésticas.

Simone (Marília Martins) está presente e fica chocada após ouvir Inácio. Ela diz que Dália (Maria Helena Chira) é pior que Chayene. Inácio continua e diz que Rosário só vai perdoá-lo se ela souber o que realmente aconteceu. “É nossa obrigação falar que ela foi tão enganada quanto o público nesta turnê”, completa o ex-namorado da cantora.

Chayene (Cláudia Abreu) caiu de pára-quedas na cama dela! Isso mesmo! Depois de passar por poucas e boas em Sobradinho, ela acorda tendo lampejos em sua casa fúcsia. Ao perceber que está de volta, com suas coisas todas nos lugares, Laércio (Luiz Henrique Nogueira) entra no quarto com uma bandeja de café da manhã.

Chayene não acredita e até belisca Laércio para ter certeza de que não está sonhando. O “urubu” conta que viu a diva largada na estrada, bêbada, tentando voar e a colocou no AeroChay. Surpresa, ela pergunta se o castigo acabou. Ele hesita, mas ela diz que aprendeu a lição.

Ele ainda a recrimina por ter tirado a voz da Rejane, mas ela o interrompe: “Não fale mais nada, amadinho! Já entendi que sem tu, eu não sou nada, eu não existo! Tu me perdoa?” O “urubuzinho” diz que ela é a razão da existência dele. “Se você fosse embora meu mundo acabava!”

Penha (Taís Araújo) fica preocupada com a situação de Rosário (Leandra Leal), que vai ter que morrer numa grana para pagar a multa aos patrocinadores. Tudo por conta da farsa de Inácio (Ricardo Tozzi) e Fabian (Ricardo Tozzi) na turnê. Que papelão! Empenhada em ajudar a Empreguete, Penha convoca Cida (Isabelle Drummond), Kleiton (Fábio Neppo) e Tom (Bruno Mazzeo) para uma reunião de urgência.

Penha pergunta a Tom: "Tu tem como armar um megashow das Empreguetes? Por que é disso que a Rosário precisa para dar a volta por cima!". Kleiton quase chora de emoção. Depois de uns telefonemas, Tom diz que conseguiu encaixar o trio no fest-show da Primavera!

Stela (Day Mesquita) está aflita no escritório à espera do namorado Elano (Humberto Carrão). Quando ele entra a advogada joga a bomba: está grávida! Elano fica perplexo e diz que os dois tomaram todos os cuidados... Será?

Calma, gente! Stela deixa Elano respirar e conta que o filho é fruto de um encontro que teve com o pai da Rebeca antes de começar o namorar Elano. Ufa! Essa foi por pouco! Elano disfarça a alegria e continua ouvindo a moça. Ela diz que o ex ficou animado com a notícia e que todos decidiram ir para o Canadá

O advogado, que já reatou com Cida (Isabelle Drummond), diz que fica feliz por ela: “Eu quero que vocês sejam muito felizes!”. Ela devolve a gentileza: “Eu também quero que você seja muito feliz! Se possível ao lado de uma certa ex-Empreguete.”


Cida (Isabelle Drummond) demorou a perceber que o verdadeiro príncipe encantado da vida dela não era Conrado (Jonatas Faro). Ao perceber que Elano (Humberto Carrão) é o grande amor de sua vida, a ex-Empreguete se entrega à paixão e dorme com o advogado.

"Bem que você mereceu um gelinho, mas cadê que eu consegui ser durão? Não dá, eu sou muito apaixonado por você, tudo o que eu quero é te fazer feliz, Cida", ele se declara, que promete conversar com Stela (Day Mesquita) e ganha um pedido de desculpas da amada por tê-lo decepcionado.

Elano explica que depois de ter lido os diários dela, passou a entender o que se passa na cabecinha de Cida. "Você se emocionou porque descobriu que era o personagem principal da minha história", diz a gata borralheira, que promete pensar na ideia de publicar seus diários.

O cerco está se fechando para Sônia (Alexandra Richter), afinal, como dizem por aí: aqui se faz, aqui se paga. Pelo menos é assim que Ariela (Simone Gutierrez) pensa. Ela prova isso ao dizer para a perua que Humberto (Rodrigo Pandolfo) não vai defendê-la na justiça contra Cida (Isabelle Drummond). As funções se inverteram: é a filha quem impõe limites à mãe. Vê se pode!

"E é bom você saber que, mesmo a Cida não sendo minha irmã de sangue, agora eu a considero irmã. Pronto, falei!", desabafa Ariela, que vai se mudar com o marido para começar uma vida nova. "Você devia fazer o mesmo, mamãe, arrumar um emprego e pular fora desse mausoléu", aconselha a filha.

Fabian e Inácio (Ricardo Tozzi) revelarão o trauma durante o programa de Gentil Soares (Gustavo Gasparini) e, de uma vez por todas, garantirão: não são gêmeos.

Na verdade, é tudo culpa da louquinha Dália (Maria Helena Chira), que, cega de amor pelo ídolo da música brega, sequestrou Inácio e o submeteu à força a uma cirurgia plástica para deixá-lo igualzinho ao cantor. Por isso ele passou boa parte da novela fugindo e rejeitando comparações com o artista. Uma boa explicação.

Pense numa situação constrangedora! Cida (Isabelle Drummond) vai jantar no maior clima romântico com Elano (Humberto Carrão), quando encontra uma surpresinha desagradável: Conrado (Jonatas Faro) está com Otto (Leopoldo Pacheco) no mesmo restaurante.

“Então foi por isso que você terminou comigo, Cida?”, diz, revoltado. Ela tenta explicar que não o amava mais, só que o mauricinho não aceita. “E aí trocou o boy pelo advogado. Conveniente. Cê pensa que ela te ama, mané, mas é porque agora eu tô por baixo”, completa, achando que todo mundo se relaciona por causa de dinheiro. Eita, menino mimado...

Elano bem que tenta evitar briga, mas o playboy não deixa e os dois acabam se atracando no meio do restaurante! “Nunca mais chega perto da minha namorada ou eu acabo contigo, mané!”, ataca o advogado. Depois do barraco, Otto tenta amenizar o clima e brinca com o filho: “Eu acho que nossa família não dá sorte com as Empreguetes.”

Depois que Inácio (Ricardo Tozzi) contou sobre seu passado no programa do Gentil (Gustavo Gasparani), Rosário (Leandra Leal) abriu os olhos e resolveu dar uma chance ao amor. “Cê tinha que ter confiado em mim, Inácio... Cê tem noção do quanto eu te amo?”, declara-se a loira, que ganha um beijão do ex! Eles não são fofos?

Inácio explica que só queria esquecer essa história, por isso não contou nada para ela. Mas não deixou de amá-la nenhum segundo, pelo contrário: “Cê nunca me perdeu, eu continuei te amando cada dia mais...”, diz o gato, que dá mais beijinhos na amada do que a quantidade de brilho nas roupas de Chayene!

A cara de pau de Chayene (Cláudia Abreu) não tem fim! Ela está indo para o programa Encontro com Fátima Bernardes e, nos corredores do Projac, esbarra com o autor Silvio de Abreu e o diretor Jorge Fernando. Pronto! É a oportunidade perfeita para nossa musa tentar brilhar mais um pouquinho. Afinal, Chay não deixa nenhum grão de purpurina ficar de fora de sua vida e pergunta se eles vão fazer a próxima novela das sete, Guerra dos Sexos.

Quando eles dizem que sim, a diva aproveita para tirar uma casquinha: “Pois eu sou sua fã, morro de 'passione' por suas novelas, tu tem uma carreira 'belíssima'! Então, amadinhos, qual vai ser meu papel na novela? Se até Ivete virou atriz, já tá mais que na hora de Chayene virar estrela de TV!”

Ninguém melhor que as Empreguetes para discutirem os direitos do trabalhador doméstico, não é mesmo? Por isso, Fátima Bernardes chama as meninas ao seu programa especial sobre o tema. Quando Chayene (Cláudia Abreu) chega, toda se achando, Rosário (Leandra Leal) aproveita para dar uma notícia quentíssima! “Empreguetietes, fãs amados... as Empreguetes estão de volta!”, anuncia a loira.

E não é que Chayene reage bem ao babado? Pelo menos, é isso que ela demonstra, mesmo com as alfinetadas das Marias, que avisam estar por cima das armações de quem tentou separá-las.

Depois de muita discussão e lavação de roupa suja entre Cida (Isabelle Drummond) e Sônia (Alexandra Richter), Chayene surpreende a todos com uma declaração inusitada: “Bom, Fatinha, primeiro queria pedir meu sincero perdão a todas as domésticas do Brasil, mas em particular a três Empreguetes, que não são Chumbreguetes, nem muito menos ariranha, potra e égua! Elas são Rosário, Cida e Penha! Eu reconheço, fui abusenta sim, e joguei sujo com vocês”, desculpa-se a diva, acertando o nome das antigas rivais.

Depois de participar do programa de Fátima Bernardes, Rosário (Leandra Leal) está esperando por Inácio (Ricardo Tozzi) no mercadinho do condomínio. Chayene (Cláudia Abreu) aparece por lá e, quem diria, chega para pedir desculpas à ex-inimiga. Ela explica que prejudicou a Empreguete porque interpretou mal as previsões de Madame Kastrup (Lady Francisco).

“Madame Kastrup nunca erra. Eu que me confundi. Mas no fim tudo se voltou contra mim e hoje eu tô pior que tu. Agora preciso de seu perdão, pra eu voltar a ter o que é meu”, desculpa-se Chay, que é surpreendida quando três homens sequestram Rosário e a colocam em um furgão. ”Seus gaviões! Larguem Rochélia! Rosário!”, dispara.

Dália (Maria Helena Chira), a fabianática mais fanática de todas, que transformou a vida de Inácio em um caos, manda os capachos pegarem Chayene também.

Quando a amizade é verdadeira, não tem mau tempo que atrapalhe! Mesmo após briguinhas bobas, Lygia (Malu Galli) e Penha (Taís Araújo) acabam fazendo as pazes. Já era tempo, né? A advogada aproveita para dizer que andou reavaliando o que é importante em sua vida. Não que seja novidade, mas ela diz a Penha que a considera como uma irmã.

A Empreguete fica comovida, afinal, se sente da mesma forma em relação à amiga. Por isso, acha que devia ter aberto o jogo para Lygia há mais tempo. Mas a advogada já superou essa história: "Eu fui egoísta. Atrapalhei a história de vocês por causa de uma viagem da minha cabeça. O Gilson gosta mesmo de você, Penha, ele voltou pra Pernambuco arrasado. Vai procurar ele, corre atrás da sua felicidade!"

Quem diria que um dia Inácio (Ricardo Tozzi) ia pedir a ajuda de Fabian (Ricardo Tozzi)! Mas é isso que acontece: os dois se juntam para salvar Rosário (Leandra Leal) e Chayene (Cláudia Abreu) das garras de Dália (Maria Helena Chira). O Príncipe das Domésticas fica em pânico diante da situação, mas aceita confudir a psicopata, que fica distraída diante de dois "Fabians".

Eles aproveitam a deixa para lutar contra ela e seu segurança. É muita confusão, com direito até ao famoso spray de pimenta de Chay, que fica toda feliz depois que seu "frango-herói" a salva do sequestro. Apesar de conseguirem livrar as cantoras do pesadelo, Dália consegue fugir.

O que essa louca pode fazer solta por aí?

Pense numa inversão de papeis hilária: Brunessa (Chandelly Braz) por cima e Sônia (Alexandra Richter) por baixo! A periguete volta toda poderosa da Europa e cadê a gerente?

"Pô, Sônia? Eu chego toda cheia de mercadoria da Europa e a gerente não tá na Brutique pra atender as freguesas?! Voa!", ordena ela, ao telefone.

Do outro lado da linha, Sônia está enfrentando a fila do banheiro com um rolo de papel higiênico e toalha na mão... e um sorriso amarelo no rosto! Aprontou, aprontou... agora aguenta, Sônia Sarnenta!

Aqui se faz, aqui se paga. Nem sempre é assim, mas pelo menos Cida (Isabelle Drummond) teve sorte e conseguiu provar na justiça que os Sarmentos a exploraram, e muito, durante a infância. Quem consegue o feito é Elano (Humberto Carrão), que defende a namorada na audiência e usa os diários da Empreguete para mostrar o quanto ela sofria nas mãos de Sônia (Alexandra Richter) e Ernani (Tato Gabos Mendes).

"É inacreditável que um trabalhador ganhe por remuneração apenas casa e comida. Essa é uma conduta criminosa, que restringe a liberdade do indivíduo e o reduz à condição análoga a de escravo. Ainda mais se tratando de uma menor, como era o caso da minha cliente", ataca o advogado, que consegue fazer Cida ser indenizada por danos morais e materiais. Ainda bem!

No  maior clima de tensão, Cida (Isabelle Drummond) e Penha (Taís Araújo) começam o show das Empreguetes sem Rosário (Leandra Leal), que foi sequestrada por Dália (Maria Helena Chira). Mas a loira consegue se livrar das garras dessa louca e vai correndo completar o trio mais amado do Brasil.

A plateia está toda xoxa, esperando pela Empreguete. Até que Cida vai começar a cantar e pergunta para o público: "Quem é Maria levanta a mão! E quem é brasileira!". Esse é o momento perfeito para a entrada triunfal de Rosário: "Eu! Rosário! Maria, brasileira e Empreguete para sempre!", dispara, feliz, deixando todos aliviados e babando pelo poder das divas.

Enquanto os Sarmentos destratavam Cida (Isabelle Drummond), eles nem sonhavam que  estavam contribuindo para um dia a gata borralheira virar uma escritora de sucesso. As lembranças e desabafos relatados nos diários da menina viram matéria-prima para um livro, lançado em um coquetel na Galehip.

Uma fila de fãs se forma para pegarem autógrafo com a Empreguete. Ninguém perde essa festa, muito menos Elano (Humberto Carrão), que deu a ideia da gata lançar a obra e fica todo orgulhoso da namorada. Ariela (Simone Gutierrez) também está lá para conferir as memórias da "irmãzinha".  Agora Cida é cantora e escritora, uma artista completa! Engulam essa, Sarmentos!

Se  tem alguém que caiu do cavalo em Cheias de Charme, seu nome é Conrado (Jonatas Faro). O playboy deu golpe no pai, fez Cida (Isabelle Drummond) de boba, casou com Isadora (Giselle Batista) por interesse, tudo para conseguir levar a vida que sempre quis: a de rico! Só que a vida deu uma rasteira bonita no boy magia. Ele até conseguiu reatar com Cida, mas a gata percebeu que ele continuava o mesmo interesseiro de sempre e o deixou.

Sozinho, ele acabou reatando com Otto (Leopoldo Pacheco) e arrumou emprego no haras. Lá, ele reencontrou uma ricaça e juntou a fome com a vontade de comer. Máslova (Aracy Balabanian), que sempre viveu na aba do neto e do genro, é quem comemorou. Ela achou as instalações do haras bem melhores que as do Borralho.

Otto superou Penha (Taís Araújo) e seguiu em frente. Quem apareceu em seu caminho, foi na verdade, quem sempre esteve: Ivone (Kika Kalache). Apesar de dar força para o romance da amiga com seu patrão, ela sempre nutriu grande admiração pelo empresário, que na hora certa percebeu isso e deu ao amor uma nova chance. Além de começar uma história com Ivone, Otto recomeça outra com Conrado. Depois de todas as confusões, o empreendedor resolveu se reaproximar do filho e tentar mais uma vez.

A rainha do eletroforró, musa do Piauí, diva de Sobradinho, perdeu a majestade e acabou cantora curica. Ela tanto fez, mas tanto, que agora chegou a hora de pagar. Chayene (Cláudia Abreu) teve de admitir que foi uma peste com as Empreguetes, principalmente com Rosário  (Leandra Leal) e pediu desculpas por todas que aprontou.

Vítima de seus próprios escândalos, a brabuleta mor acaba só encontrando refúgio no público infantil ao lado de Fabian (Ricardo Tozzi). Laércio (Luiz Henrique Nogueira) até se virou contra Chay, quando descobriu toda a armação dela para ficar no lugar de Rejane na banda Leite de Cobra. Mas, seu amor pela cantora foi mais forte e o ‘urubuzinho’ voltou para sua Chay.

Socorro (Titina Medeiros) também foi outra que tentou se vingar de sua ídala, mas durou pouco. Seu amor por Chay é tão grande, mas tão grande, que a curica voltou implorando pelo perdão de sua musa. Chayene, que também estava com saudades, a aceitou.

A vida da estrelinha finalmente brilhou. Rosário (Leandra Leal) reconheceu que foi egoísta com Penha (Taís Araújo) e Cida (Isabelle Drummond) e que sem elas a vida não tem o menor sentido. A partir daí, tudo mudou. Inácio (Ricardo Tozzi) conseguiu finalmente revelar que sofreu uma plástica forçada por Dália para se parecer com Fabian, daí o motivo de todo o seu trauma com o príncipe das domésticas.

E não foi só isso. Os dois também passaram o maior susto! A doida da Dália armou um sequestro, que sobrou até para Chayene (Cláudia Abreu), mas que no fim acabou tudo lindo. Ou melhor, tudo acabou em casamento e gravidez! É, Rosário espera um filho de Inácio.

Calma, não precisa ficar com pena de Dinha (Juliana Alves). A bonita conquistou Carlos Alberto, um policial gato para chamar de seu. Sidney (Daniel Dantas) finalmente deu nova chance para o coração e começou uma história com Wanderley. Sem abandonar sua eterna estrelinha, Rosário e da mais nova integrante, Lia, uma menina linda que o casal adotou.

A gata borralheira passou por poucas e boas. Foi enganada pela família Sarmento durante toda sua vida. Isadora (Giselle Batista), Ariela (Simone Gutierrez) e Sônia (Alexandra Ricther) espezinharam a bichinha até não poder mais. Como se não bastasse, ela acreditou na farsa de Ernani (Tato Gabus Mendes), que dizia ser seu pai e quebrou a cara com Conrado (Jonatas Faro), duas vezes.

Mas, como no conto de fadas, Cida (Isabelle Drummond) encontrou seu príncipe encantado, Elano (Humberto Carrão). Depois de idas e vindas, os dois perceberam que o amor que sentiam ainda era muito forte e decidiram ficar juntos. O negócio deu tão certo que Cida e Elano se casaram e a gata borralheira lançou um livro.

Já Valda (Dhu Moraes) também não perdeu tempo! A madrinha de Cida encontrou o advogado Olavão, que defendia Sarmento, e não o largou mais.

Bem que Fabian (Ricardo Tozzi) tentou, mas seu "terrível" segredo acabou vazando. E nem foi Chayene (Cláudia Abreu) que botou tudo no ventilador. O príncipe das domésticas, que posava de novinho, acabou sendo desmascarado quando Simone (Marilia Martins) se cansou da palhaçada e declarou que eles são gêmeos. Logo, o cantor teria 44 anos, e nunca 27, como ele dizia para suas "bonitas".

Além disso, o escândalo de Inácio (Ricardo Tozzi) se fazendo de Fabian piorou sua fama. Sem muita alternativa, o "bonito" acabou se aliando a Chayene e os dois reativaram o namoro midiático. Agora a dupla se apresenta em eventos infantis e churrascarias de beira de estrada. Quem diria...

Lygia (Mallu Gali) finalmente se acertou com Penha (Taís Araújo) e engatou um romance com Gilson (Marcos Pasquim). Depois de se decepcionar profundamente com Alejandro (Pablo Bellini), um espanhol de sangue quente e que fervia quando via mulher bonita, ela achou que sua vida era ao lado do surfista. Mas ele já estava apaixonado pela Empreguete.

Aliás, Alejandro resolveu ficar com sua família na Espanha depois que seu casamento fracassou quando Lygia o encontrou no flagra com Brunessa (Chandelly Braz). Ela descobriu também que o marido já tinha investido em Penha, sem sucesso. Aí babou, né?

Gilson é quem mudou sua vida completamente, primeiro por causa de Samuel (Miguel Roncato), de quem descobriu ser pai, e depois por Penha. A gata do Borralho fez o surfista cair da prancha literalmente. Persistente, ele não largou do pé da Empreguete até conseguir viver uma agitada história de amor com ela. Mas os dois acabaram percebendo que suas vidas não batiam e decidiram se separar. Gilson acabou escolhendo ficar no Rio de Janeiro, de bem com Lygia, Samuel e Penha.

O problemático filho de Lygia passou por um susto. Internado em estado grave por causa de um acidente no mar, Samuel teve que passar por uma cirurgia e tirou Lygia e Gilson do eixo. Recuperado, Samuel só deu orgulho para a mãe. O cara resolveu estudar comunicação e está namorando firme Beatriz (Polliana Aleixo).

Liara (Thainá Müller) também teve fina feliz com Rodinei (Jayme Matarazzo). O eterno pichador do Borralho realmente mudou de vida! Ele transformou a antiga Galerie em Galehip, virou um artista de fama internacional e ainda provou para Liara  que pode também ser um grande parceiro. A sua maneira, ele fez o pedido de casamento mais original do mundo. Liara, claro, não perdeu tempo e aceitou.

Lá no Borralho as coisas ficaram bem melhores do que antes. Depois que reatou com suas parceiras, as outras duas Empreguetes, Penha (Taís Araújo) resolveu dar uma chance para sua história de amor com Gilson (Marcos Pasquim). Com o tempo os dois perceberam que suas vidas são muito diferentes e decidiram ficar amigos.

Caminho livre para Sandro (Marcos Palmeira). Não é que o traste tomou jeito, minha gente?! Depois de armar uma trapalhada atrás da outra, o vascaíno se torna herói no Borralho e ganha até cargo de coordenador do Centro Cultural da comunidade, com direito a salário todo mês. Quem diria, né? Depois dessa virada, Penha não tinha como resistir ao morenão que sempre balançou seu coreto, desde o início da novela.

Já Alana (Sylvia Nazareth), a estudiosa irmã de Penha, volta feliz da vida de uma temporada de estudos nos Estados Unidos acompanhada de Jefferson, seu namoradinho. Ivone (Kika Kalache) também se deu bem! Mirou no que não viu e acertou bem em cheio em Otto Werneck (Leopoldo Pacheco). Os dois se interessaram um pelo outro e a amiga de Penha acaba feliz ao lado do empresário. Louvado seja Deus!

Socorro (Titina Medeiros) pode dizer que não veio nesse mundo a passeio. A curica saiu lá de Sobradinho para ser personal colega de Chayene (Cláudia Abreu) e no final acabou cantora no lugar de sua ídala, que foi se meter à besta e tentar passar a curica para trás.

Mas, como Socorro aprontou muito com as Empreguetes, seu reinado como Lady Praga não durou muito. Desmascarada e sem apoio do público, só restou a irmã de Naldo (Fabio Lago) se juntar a sua brabuleta, Chayene. As duas viraram personal colegas para sempre. Naldinho continuou curico de Chayene ao lado de Laércio (Luiz Henrique Nogueira)!

Com certeza, esse será o trio que ficará na mente e no coração das pessoas. Três empregadas domésticas que realizaram seus sonhos de vida através de um grupo musical. Rosário (Leandra Leal) sonhava ser cantora, Cida (Isabelle Drummond), jornalista e Penha (Taís Araújo) trabalhar para ajudar domésticas a conhecerem seus direitos. Elas experimentaram enorme sucesso, mas com isso, muita inveja também.

Graças aos planos de Chayene (Cláudia Abreu) e Socorro (Titina Medeiros), as três amigas se afastaram e o grupo acabou. Mas a amizade falou bem mais alto e mesmo contra todas as armações, Penha, Cida e Rosário reataram a grande amizade e voltaram a ser inseparáveis. Se as Empreguetes voltaram? Claro que sim, mais fortes que nunca e continuam abalando nos palcos pelo Brasil afora!

Kleitinho (Fabio Neppo) finalmente terá seus dias de produtor de sucesso. Depois de voltar às boas com seu ex-rival, Tom (Bruno Mazzeo), e a retomada das Empreguetes, o cara está fazendo o maior sucesso. Tem até dupla de cantoras sertanejas querendo que ele seja produtor delas.

Já Tom, parceiro de Kleiton, chegou a pensar que sua carreira estava arruinada depois do fiasco que foi o plano de fazer Inácio (Ricardo Tozzi) se passar por Fabian (Ricardo Tozzi). Isso sem falar no lançamento furado da carreira solo de Rosário, por causa do fim das Empreguetes. Mas, a estrela desse empresário voltou a brilhar. Com as Empreguetes reatando, Chayene e Fabian tomando jeito e fazendo shows para o público infantil adoidado, o din din voltou a jorrar nos cofres da ‘Britney’ de Cheias de Charme.


CHEIAS DE CHARME (BASTIDORES)

AGORA VEJA CHEIAS DE CHARME (BASTIDORES)

RETORNE AO MENU PRINCIPAL
RETORNE AO MENU PRINCIPAL

Nenhum comentário :