segunda-feira, 22 de agosto de 2016

ESCRAVA MÃE: Maria Isabel arma casamento de Juliana com Sapião

Miguel vasculha documentos e encontra lista de nomes africanos com o nome da mãe de Juliana

Juliana conversa com tia Joaquina que reprova o encontro dela com Miguel. Rosalinda está furiosa diante de Dália e Violeta, que permitiram que Petúnia se escondesse na pensão. Urraca chega cedo ao velório de tia Elza e Maria Isabel estranha. Filipa conversa com Átila sobre um documento que Rebeca leu sobre os mesmos direitos entre homens e mulheres.

Átila reprova e Filipa se decepciona. Miguel caminha pelo porto e encontra um pequeno barco e confere com uma numeração. Miguel encontra um homem que conheceu seu pai. Esméria arruma um buquê de flores e Juliana pede para ajudar. Esméria conta que o buquê é do casamento de Maria Isabel. Juliana se espanta e diz que esse casamento não pode acontecer. Maria Isabel surge por trás. Almeida está com Teresa, Urraca e Beatrice, todos vestidos para o enterro. É quando Quintiliano invade a casa, descontrolado e aponta uma arma para Almeida.

Quintiliano está descontrolado com a arma apontada para Almeida. Urraca se coloca ente Almeida e Quintiliano para protegê-lo. Quintiliano se distrai com a entrada de Tomás e Genésio e Almeida toma a arma de Quintiliano.

Juliana está tensa diante de Maria Isabel. O homem entrega alguns documentos a Miguel que fica atordoado com a caixa cheia de documentos. Juliana desafia Maria Isabel que deveria evitar o constrangimento de ser negada por Miguel diante de toda família e deixa Maria Isabel furiosa.

Quintiliano acusa Almeida de sabotar o barco com a mercadoria. Maria Isabel chega para ver o que acontece e reage alarmada com o que ouve. Maria Isabel fica completamente atordoada, Teresa entra no quarto e estranha. Teresa diz que no barco que afundou também tinha pessoas e Maria Isabel grita com Teresa para que cale a boca e se descontrola.

Juliana comenta com Tia Joaquina que viu Esméria machucada e Teresa perguntou se tinha visto o Almeida na noite passada. Beatrice tenta consolar Quintiliano que a chama de traiçoeira e sai atordoado. Beatrice exige a Almeida que conte a verdade. Loreto e Guilherme preocupados com a partida da princesa na calada da noite. Almeida está no gabinete e Urraca chega. Urraca discute com Almeida e diz que foi enganada. Almeida pergunta se Urraca ficou orgulhosa e ela dá um tapa no rosto de Almeida.

Átila está arrumando uns livros e de repente Miguel chega com uma caixa de documentos e pede para Átila ajuda-lo a decifrar tudo. Juliana tenta ir até Miguel para avisá-lo da pretensão de Maria Isabel, mas tia Joaquina não deixa. Quintiliano chega em casa arrasado e é consolado por Tomás e Filipa. Rosalinda vai até a casa de Urraca e elas discutem por causa de Jasmim. Urraca está arrasada por causa de Almeida e começa a chorar. Rosalinda se compadece e ampara Urraca.

Tia Joaquina procura por Miguel e avisa sobre Juliana que está apaixonada por ele e que não será fácil se desvencilhar de Maria Isabel. Miguel garante a tia Joaquina que não fará mal a Juliana. Almeida está na mesa com Teresa e Beatrice ouve eles conversarem e se aproxima e começam a discutir. Almeida se irrita e de repente Guilherme chega e discutem. Juliana conversa com Sapião e pede desculpas por ter dado esperanças e se abraçam.

Maria Isabel chega com o buquê na mão e o pároco ao lado dela. Maria Isabel diz aos dois que o casamento dela com Miguel não vai acontecer, mas o dela com Sapião vai e joga o buquê pra Juliana. Miguel vasculha os documentos diante de tia Joaquina e encontra uma lista de nomes africanos e encontra o nome da mãe de Juliana e ficam chocados.

Capítulo desta segunda-feira, 22/08.

REDE RECORD

Nenhum comentário :